A partir de agora na Holanda é legal, um instrutor de condução, trocar aulas por sexo. A iniciativa governamental ficou conhecida por qualquer coisa como “Dar uma voltinha para conduzir” e tem regras específicas: tem de ser o instrutor a sugerir este tipo de “pagamento” e só é considerado legal se os dois envolvidos tiverem mais de 18 anos.

Em resposta ao deputado Gert-Jan Segers do partido da Unidade Cristã, que colocou a questão de que tal prática pudesse ser considerada “prostituição ilegal”, uma vez que os instruendos não teriam licença para praticar prostituição e assim não pagariam os respectivos impostos, os ministros dos Transportes e da Justiça esclareceram em carta ao Parlamento que se não forem os alunos a sugerir a prática, não se pode considerar prostituição.

“Não se trata de oferecer actividades sexuais a troco de uma remuneração, mas sim oferecer uma lição de condução. É importante que a iniciativa seja do instrutor e se foque na oferta de uma lição de condução, com o pagamento a ser feito em actos sexuais. Quando é oferecido um acto sexual em troca de um pagamento financeiro, isso é prostituição”, esclarece a carta.

Apesar da situação ser legal, os ministros não deixam de referir, na sua missiva aos deputados, que a prática de “Dar uma voltinha para conduzir” pode ser “indesejável”.

Fonte: sabado.pt
loading...
rui

Já conheces o Instagram do OH Diabo? Segue-nos em
http://www.instagram.com/ohdiabo